• comercial18125

Chicago sobe, mas queda do dólar limita alta no preço da soja no Brasil


Mesmo com preços em Chicago elevados, se aproximando de US$ 12 por bushel, com o dólar em queda, negociado a R$ 5,33, o mercado brasileiro de soja encontrou dificuldades para encontrar direção e definir preços nesta terça-feira, 17. A movimentação seguiu retraída, com poucos negócios envolvendo safra nova.

No mercado disponível praticamente não há negócios e os preços vão perdendo força, devido à diminuição do interesse por parte da indústria, com exceção da demanda ainda firme no Mato Grosso. O produtor segue distante e prioriza o plantio.

Em Passo Fundo (RS), a saca de soja com 60 quilos recuou de R$ 175, para R$ 172. Na região das Missões, a cotação baixou de R$ 174,50 para R$ 172. No porto de Rio Grande, o preço permaneceu em R$ 170.

Em Cascavel, no Paraná, o preço subiu de R$ 165 para R$ 170 a saca. No porto de Paranaguá (PR), a saca seguiu em R$ 159.

Em Rondonópolis (MT), a saca avançou de R$ 182 para R$ 184. Em Dourados (MS), a cotação baixou de R$ 175 para R$ 162. Em Rio Verde (GO), a saca estabilizou em R$ 180.

Câmbio

O dólar comercial encerrou a sessão com queda de 1,91%, sendo negociado a R$ 5,3320 para venda e a R$ 5,3300 para compra. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 5,3250 e a máxima de R$ 5,4230.

Fonte:Canal Rural

Foto: Daniel Popov


1 visualização

Política de Privacidade

Endereço:

Rua: Sete de Setembro, 274

Sala CJ 501 Centro - Pelotas/RS
CEP 96015-300

Telefones:

(53) 3225-9330
(53) 3225-6908

(53) 3225-5621

(53) 9811-20578

E-Mail:

Cereagro 2020 -  Todos os direitos reservados