• comercial18125

Com produção excedente, arroz pode ser usado na ração no lugar de milho, diz Farsul

A Federação de Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul) está discutindo com a Federarroz a proposta de substituir milho pelo arroz na alimentação de bovinos, suínos e aves.

Em nota, a Farsul destaca a possibilidade de quebra de 20% a 30% na safrinha de milho, por causa da seca, enquanto o excedente de arroz deve ser de 500 a 600 mil toneladas, conforme dados da Companhia Nacional de Abastecimentos (Conab) citados pela entidade.

A ideia, segundo a Farsul, garante a alimentação animal utilizando o arroz como base, evitando que os custos de produção disparem, e também ajuda no escoamento do estoque do cereal paralisado pela queda nas exportações.


Fonte: Estadão Conteúdo / Canal Rural




10 visualizações0 comentário