• comercial18125

Soja: Bolsa de Chicago começa semana operando com estabilidade e esperando novos dados do USDA

O mercado da soja opera com estabilidade nesta segunda-feira (22) na Bolsa de Chicago e começa a semana mais na defensiva, à espera de novas notícias. Por volta de 7h30 (horário de Brasília), as cotações operavam em campo misto, com ligeiros ganhos nas primeiras posições - com o maio sendo cotado a US$ 14,16 por bushel - enquanto as mais distantes tinham pequenos recuos, com o setembro valendo US$ 12,69. O clima nos Estados Unidos é um dos principais fatores monitorados pelo mercado e a melhora recente das últimas semanas ajuda a manter o mercado pressionado. Assim, o relatório que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) traz no dia 31 de março - Prospective Plantings - é esperado com mais ansiedade pelo mercado. O boletim traz as primeiras projeções de área de plantio para a safra 2021/22 e se espera um aumento considerável para a soja, e um incremento também para o milho. No paralelo, os traders seguem monitorando a demanda chinesa, as questões ligadas às zoonoses nos planteis chineses e os embarques norte-americanos que também serão divulgados pelo USDA nesta segunda-feira.

Fonte:Notícias Agrícolas



1 visualização0 comentário